Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2013

Admirável Palmeiras Novo

Aldous Husley escreveu sua obra prima Admirável Mundo Novo em 1932. O livro narra um hipotético futuro onde as pessoas são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia com as leis e regras sociais. Qualquer dúvida e insegurança dos cidadãos era dissipada com o consumo da droga sem efeitos colaterais aparentes chamada "soma".      

Nesta semana faleceu Nilton Santos, para muitos o maior lateral esquerdo da história do futebol mundial. Segundo a coluna do PVC desta semana, ele comenta que João Moreira Salles, botafoguense doente, fazia visitas trimestrais a Nilton Santos. Na porta do quarto da clínica em que ele estava internado havia uma simples e forte mensagem :

"Entre, por favor. Apenas não fale mal do Botafogo!"

Você pode estar perguntando: o que um escritor inglês e um lateral esquerdo do Botafogo tem a ver com o Palmeiras?

Observando todos os fatos ocorridos no Palmeiras nos últimos 30 dias, com destaque para a novela Gil…

Ser Grande e Estar Grande

Imaginemos que supreendentemente durante o mês de dezembro de 2013,  nos deparamos com a seguinte notícia:


Palmeiras anuncia pacote de reforços para 2014

No final da noite de ontem foram confirmado pelo site oficial do clube os seguintes reforços para a temporada 2014 incluindo o novo treinador.

Segue abaixo relação:

Treinador : duas vezes vice-campeão da Copa do Brasil, com rápida passagem por um grande time do Rio de Janeiro. Taxado de perdedor mesmo montando times competitivos em equipe de médio porte com recursos inferiores aos dos grandes clubes do Brasil.

Zagueiro: contratado por empréstimo , era reserva de um grande clube do estado de São Paulo, nunca se firmou como titular mesmo com os zagueiros titulares já em estágio final da carreira

Lateral Esquerdo: contratado sem custo após não ter dado certo num grande time do Rio de Janeiro e ter jogado a Série B em 2012 sendo campeão

Volante: jogador em fase descendente na carreira, contratado por empréstimo de um grande clube do Rio de Jan…

O Comercial

Gilson e Pepe eram cozinheiros que vieram do interior para ganhar a vida na cidade grande. Ambos com sonhos de dias melhores para a família, encontrar a mulher amada e dar para seus futuros filhos o que seus pais não puderam dar devido às dificuldades da vida.

Eles não se conheciam e, por ironia do destino, conseguiram um trabalho como auxiliar de cozinha em lanchonetes vizinhas no centro de São Paulo.

O tempo foi passando e ambos conseguiram se transformar nos cozinheiros chefes das suas respectivas lanchonetes. Era uma época mais simples, em que não havia muita diferenciação e a camaradagem e o hábito atraíam públicos semelhantes para as duas lanchonetes.

O prato principal de cada santo dia era: salada, arroz, feijão, bife e fritas, o famoso Comercial.

Tanto Gilson como Pepe eram elogiados, pois faziam muito bem o arroz com feijão de cada dia. Seus respectivos chefes e a clientela da região não tinham porque reclamar.

Com o passar do tempo a concorrência exigia diferenciação e novo…

Pacaembu : Sábado à tarde

Não tem dia e horário mais legal para ir ao estádio como aos sábados à tarde. Herdei essa preferência do meu velho pai.

Ontem no Pacaembu tive um grande sentimento de nostalgia e saudades ao dar um grande abraço no meu amigo Julio Ragazzi, que recentemente perdeu seu pai.

Parecia que ambos fomos conduzidos pelos nossos pais, que viraram nossos anjos da guarda lá do plano espiritual. Estávamos no setor verde, que antigamente era com bancos de madeira, e foi o lugar em que mais vezes meu pai nos levava, e não por coincidência, foi o lugar em que assistimos a um dos últimos jogos juntos no estádio em 1993.

Foi nesse lugar que eu cantei pela primeira vez " Palmeiras meu primeiro amor" em 1979, num domingo de manhã num 4 a 1 contra o Juventus.

Falamos muito de quanto nossos pais nos incentivavam a vivenciar juntos o amor pelo Palmeiras no estádio, quando começamos a ir sozinhos e aos poucos nós começamos a levá-los conosco, mas sempre compartilhando das mesmas emoções, alegrias…

Invertendo a Pirâmide do Futebol Brasileiro

Este post não será sobre a evolução tática do futebol, como foi maravilhosamente escrito pelo jornalista Jonathan Wilson, na sua obra prima Inverting the Pyramid.

Apenas me inspirei no título do livro para tentar ilustrar e opinar sobre a polêmica e controversa reação do presidente da CBF e da atual comissão técnica sobre a decisão de Diego Costa ao preferir jogar pela Seleção Espanhola.

A reação da cúpula da CBF faz parte de um comportamento social enraizado na cultura brasileira desde a colonização do país e que reflete na pirâmide social brasileira.

Como estamos falando de futebol, vamos comparar os países com as ligas mais importantes do futebol mundial com o Brasil em termos do ranking mundial da desigualdade social:

1) Alemanha - Os 10% mais ricos ganham 6.9 vezes mais do que os 10% mais pobres.

2) Espanha - Os 10% mais ricos ganham 10.3 vezes mais do que os 10% mais pobres.

3) Itália -  Os 10% mais ricos ganham 11.6 vezes mais do que os 10% mais pobres.

4) Reino Unido - Os 10% mai…