Pular para o conteúdo principal

6 Jogos para Sair da Lama




Faltam 6 jogos para o desfecho final do destino Palmeirense em 2012.

1914
Há 5 meses eu fiz as projeções que um time com o elenco, comissão técnica, estrutura, receita, tamanho da torcida como o Palmeiras, deveria atingir nesse campeonato brasileiro. Infelizmente me esqueci de colocar na mesma conta os incompetentes que comandam o Palmeiras atualmente. Devido a essa minha falha, o Palmeiras não cumpriu com as projeções previamente imaginadas.

Durante os 30 dias entre 13 de junho e 12 de julho, tivemos nosso momento mágico do ano, com a inesperada conquista da Copa do Brasil. Conquista que traria a previsão de um segundo semestre tranquilo, com o time focando na Copa Sulamericana e já planejando 2013, visando a Copa Libertadores.

1942
Devido ao detalhe mencionado no início deste post, o elenco não foi reforçado. Além disso faltou comando por parte dos dirigentes e comissão técnica, e o elenco , que já demonstrava fortes sinais de fraqueza técnica e de quantidade de jogadores durante os 15 primeiros jogos , entrou em queda livre à partir da rodada 18 .

Fiz uma primeira avaliação criando os 10 mandamentos para não cair,quando ainda estávamos na rodada 16. O Palmeiras não cumpriu esses mandamentos, gerando ainda mais preocupações para os Palmeirenses.

1951
Após mais algumas rodadas, determinei as 9 missões para não cairmos. O time até que cumpriu bem as 3 primeiras missões, mas fraquejou na quarta e quinta missões. Consequentemente, após essas duas últimas rodadas, ainda precisamos de no mínimo 12 pontos em 6 jogos.

Portanto, faltam 6 jogos para sairmos da lama.

Minhas projeções se transformaram em preces de desespero, uma peregrinação de canais para acompanhar os adversários do Palmeiras nessa odisseia.

Vamos escapar?

A razão diz que não, mas a intuição que vem do fundo da minha alma diz que sim.

1974
Essa intuição, que foi concretizada em título da Copa do Brasil, é a mesma que me impulsiona nesse momento que estou digitando essas palavras. Talvez esteja motivado pelo encantador Concerto para Violino de Tchaikovsky, que estou escutando nesse momento e que toca no fundo da minha alma, fazendo com que eu me conecte com o mundo da imaginação, do sonho, do desejo.

Que minha intuição se repita novamente, e que consigamos fazer desses próximos 6 jogos a mesma epopeia dos 6 jogos finais da Copa do Brasil, conquistando 3 vitórias e 3 empates, atingido os desejados 44 pontos que nos livrarão da lama.

1993
Além de minha intuição, temos que nos apegar em todas as superstições possíveis, como o sal grosso que o Finelli colocou na trave esquerda no jogo de ontem.

Yo no creo em las brujas, pero que las las hay, las hay – já escreveu Cervantes em seu célebre Don Quixote.

Além de las brujas, nosso grande amigo Jota Roberto, Fanfullista e verdadeiro acervo vivo da história magnífica do Palmeiras, escreveu uma frase após o jogo de ontem que é o suficiente para mantermos a chama acesa:

- Enquanto existirem essas camisas verde.......

1999
Serão essas camisas verdes, que carregam a mística Palestrina desde 1914, que irão revestir qualquer jogador que entrar em campo com a aura mágica, guerreira e vitoriosa do nosso amado Palmeiras, carregando-os até o final, empurrando-os juntamente com nossa torcida para que, após esses 6 jogos, possamos evitar o vexame de mais um rebaixamento e que,definitivamente, expulsemos de dentro do Palmeiras os incompetentes que lá se instalaram há mais de 30 anos e que são os verdadeiros responsáveis por esse sofrimento.

Avanti Palestra!

Avanti Camisas Verdes!

Ci batteremo fino alla morte!








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Dono e os Chefs

Após sete mudanças de treinadores em apenas quatro rodadas do Campeonato Brasileiro da Série A, vários colunistas estão criticando o que já é recorrente na gestão do clubes brasileiros, a troca de treinadores por maus resultados ou expectativas não alcançadas.
Para tentar ilustrar de uma forma mais lúdica as consequências deste comportamento inaceitável dos gestores esportivos, convido o leitor a ler a seguinte historia:
O Dono e os Chefs
Uma churrascaria acaba de trocar de dono no início de dezembro e, como o negócio não ia bem, o dono resolveu trocar de churrasqueiro, pois os clientes estavam reclamando da qualidade da comida, tanto que as vendas estavam baixas recentemente.
O novo mestre churrasqueiro, juntamente com o dono, estavam com várias ideias e decidiram aumentar a variedade de carnes no cardápio. No começo do ano a curiosidade dos clientes fez com que aumentassem as vendas mas,  após 3 meses, os clientes já perceberam que a qualidade e a expectativa com o novo churrasqueiro fi…

Os fatores que impactam na percepção de valor dos torcedores parte 2 : Precificação

Na semana passada iniciei uma série de posts referentes aos fatores que impactam na percepção de valor dos torcedores. O próximo fator que gostaria de compartilhar com vocês é a precificação dos ingressos.
Como ponto de partida dessa análise, vamos avaliar o comportamento do torcedor do São Paulo em alguns jogos no Morumbi:
23/03/2016 – Campeonato Paulista São Paulo 1 x 0 Botafogo de Ribeirão Preto Dia da semana: quarta feira Horário: 21:45h Público Pagante: 3.118 Renda Bruta: R$ 123.026 Ticket Médio: R$ 39,49
06/07/2016 – Copa Libertadores da América São Paulo 1 x 2 Atlético Nacional (semi final) Dia da semana: quarta feira Horário: 21:45h Público Pagante: 61.766 Renda Bruta: R$ 7.526.480 Ticket Médio: R$ 121,85
22/10/2016 – Campeonato Brasileiro São Paulo 2 x 0 Ponte Preta Dia da semana: sábado Horário: 17:00h Público Pagante: 49.673 Renda Bruta: R$ 600.541 Ticket Médio: R$ 12,09
12/02/2016 – Campeonato Paulista São Paulo 5 x 2 Ponte Preta Dia da semana: domingo Horário: 17:00h Público Pagante: 50.952 Renda Br…

Os Alienistas

Tudo começou em 1995, na final da Supercopa São Paulo de Juniores. Após o gol de ouro que deu o título ao Palmeiras, os palmeirenses invadiram o gramado para comemorar e foram provocar os são paulinos, que, aproveitando a pouca presença de policiais, invadiram o gramado, transformando o campo de jogo na primeira batalha campal entre torcidas organizadas transmitidas ao vivo pela TV. 
As consequências foram a morte do garoto Márcio Gasparin, a condenação de Adalberto Benedito do Santos e, pela primeira vez, as organizadas Mancha Verde e Independente foram extintas pelo promotor público Fernando Capez, que comentou na época: “Era necessário um tratamento de choque.”
Como na belíssima obra O Alienista, de Machado de Assis, a partir dessa época começou a batalha dos Alienistas contra a festa popular nas arquibancadas do Brasil. Depois dessa medida, as bandeiras, instrumentos, faixas, papéis picados, rojões, fogos de artifício, sinalizadores foram proibidos, além de não poder vender cerveja.…