Pular para o conteúdo principal

Corinthians 2 x 1 Palmeiras : Alô Torcida do Palmeiras!




Nesse domingo no Pacaembú, o Palmeiras enfrentou o Corinthians pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012.

Logo aos 4 minutos o Palmeiras saiu na frente após uma boa trama pelo lado direito até o atacante Palmeirense concluir a jogada pela esquerda.

Após o primeiro gol o Corinthians saiu da sua defesa em busca do empate, mas de forma desorganizada. Devido aos constantes erros de passes e chutões dos zagueiros e volantes do Palmeiras e também pela má atuação do meia de ligação, a bola não chegava mais ao ataque Palmeirense e também nenhum contra ataque era criado. Com essa situação o Corinthians foi empurrando o Palmeiras para sua defesa até conseguir empatar a partida em uma bela jogada pela direita, com uma conclusão de calcanhar de um dos atacantes.

Após o empate o jogo ficou equilibrado até o final do primeiro tempo.

No segundo tempo o Palmeiras veio com uma formação mais ofensiva, trocando um dos volantes por mais um atacante e também trocando o seu meia de ligação, que estava em uma jornada ruim, colocando outro meia de ligação de melhor qualidade, que só não saiu jogado como titular devido às suas atuais condições físicas.

O jogo ficou mais aberto e aos 10 minutos, o mesmo atacante que empatara a partida para o Corinthians, fez outra bela jogada pela meia direita, driblando com facilidade o lateral direito Palmeirense e colocando a bola quase no ângulo, indefensável para o goleiro Palmeirenses.

Depois do segundo gol do Corinthians, o Palmeiras se lançou todo para o ataque, de forma desordenada e deu muito campo para o adversário fazer o terceiro gol em vários contra ataques, mas todas as tentativas foram bem defendidas pelo goleiro Palmeirense.

O ataque do Palmeiras pouco produziu, somente teve uma boa chance com um dos seus atacantes, mas o chute foi bem defendido pelo goleiro corintiano.

No final da partida, o Corinthians recuou para garantir o resultado e o Palmeiras não teve competência para criar novas chances de gol, devido à má atuação do meio de campo e dos atacantes.

Final de jogo, Corinthians 2 x 1 Palmeiras , em mais um clássico entre os times de maior rivalidade do futebol paulista.


Ao lermos o texto acima sem mencionar nomes e a situação das duas equipes no momento atual, podemos encaixar o relato da partida como algo normal em um clássico entre as duas equipes. Mas para os desavisados gostaria de informar que o relato acima foi de um jogo que o Palmeiras perdeu de virada para os RESERVAS do Corinthians.  Sim, os RESERVAS ganharam do Palmeiras quase completo. Uma atuação inaceitável de um time titular recém classificado para a final da Copa do Brasil com méritos.

Após mais essa surpreendente e broxante derrota do Palmeiras, parafraseando Gilberto Gil, gostaria de dar alguns alôs para a torcida do Palmeiras:

1) O time do Palmeiras é limitadíssimo e só rende o que rendeu contra o Grêmio e também pode render na final contra o Coritiba se todos jogadores estiverem 120% na parte física, técnica e emocional. Se dois ou três jogadores não renderem, nossas chances diminurão muito.

2) Somente no futebol é possível que times tecnicamente inferiores possam ganhar de times em estágio superior. É possível ganhar jogos de times melhores durante o campeonato de pontos corridos e, principalmente, essa diferença é quase que totalmente neutralizada em torneios eliminatórios como a Copa do Brasil.



3) A magia que o time conseguiu criar para eliminar o Grêmio nas semifinais pode se repetir contra o Coritiba e o Palmeiras ganhar o título, mas esse encanto tem data e hora para acabar, dia 11/07/2012 após as 12 badaladas noturnas, como dizia Beto Carneiro.

4) Para a sequencia do Campeonato Brasileiro, independente do resultado da final, esse time vai fazer os torcedores sofrerem muito se não vierem reforços para o time titular ( meias e atacantes) e jogadores para compor elenco ( volantes, zagueiros, atacantes, meias ).




Caso formos campeões, todo o peso dos últimos anos sem títulos se transformará e o Palmeiras deverá sair rapidamente da situação atual na classificação, poderá ser possível efetuar um planejamento para 2013 e preparar a equipe para a Libertadores durante a competição. Passando o segundo semestre de 2012 em uma situação confortavelmente inesperada até duas semanas atrás.

Se não formos campeões, não imagino quais as consequências que o destino nos reservará até o final desse ano e nem quero imaginar.

Por todos os recados acima descritos, precisamos desesperadamente desse título para evitar um destino muito sombrio que todos estávamos visualizando até o passe de mágica que ocorreu nos dois jogos contra o Grêmio e nos trazer um alento inesperado para uma conquista importante em 2012.

Nesse momento de reflexão e de esperança, aguardamos ansiosamente pelas duas finais que podem nos levar do inferno ao paraíso e dessa forma fazer com que o Palmeiras possa ressurgir como protagonista dentro do cenário futebolístico nacional e internacional.

Aquele abraço!!




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Alienistas

Tudo começou em 1995, na final da Supercopa São Paulo de Juniores. Após o gol de ouro que deu o título ao Palmeiras, os palmeirenses invadiram o gramado para comemorar e foram provocar os são paulinos, que, aproveitando a pouca presença de policiais, invadiram o gramado, transformando o campo de jogo na primeira batalha campal entre torcidas organizadas transmitidas ao vivo pela TV. 
As consequências foram a morte do garoto Márcio Gasparin, a condenação de Adalberto Benedito do Santos e, pela primeira vez, as organizadas Mancha Verde e Independente foram extintas pelo promotor público Fernando Capez, que comentou na época: “Era necessário um tratamento de choque.”
Como na belíssima obra O Alienista, de Machado de Assis, a partir dessa época começou a batalha dos Alienistas contra a festa popular nas arquibancadas do Brasil. Depois dessa medida, as bandeiras, instrumentos, faixas, papéis picados, rojões, fogos de artifício, sinalizadores foram proibidos, além de não poder vender cerveja.…

O Dono e os Chefs

Após sete mudanças de treinadores em apenas quatro rodadas do Campeonato Brasileiro da Série A, vários colunistas estão criticando o que já é recorrente na gestão do clubes brasileiros, a troca de treinadores por maus resultados ou expectativas não alcançadas.
Para tentar ilustrar de uma forma mais lúdica as consequências deste comportamento inaceitável dos gestores esportivos, convido o leitor a ler a seguinte historia:
O Dono e os Chefs
Uma churrascaria acaba de trocar de dono no início de dezembro e, como o negócio não ia bem, o dono resolveu trocar de churrasqueiro, pois os clientes estavam reclamando da qualidade da comida, tanto que as vendas estavam baixas recentemente.
O novo mestre churrasqueiro, juntamente com o dono, estavam com várias ideias e decidiram aumentar a variedade de carnes no cardápio. No começo do ano a curiosidade dos clientes fez com que aumentassem as vendas mas,  após 3 meses, os clientes já perceberam que a qualidade e a expectativa com o novo churrasqueiro fi…

Os fatores que impactam na percepção de valor dos torcedores parte 2 : Precificação

Na semana passada iniciei uma série de posts referentes aos fatores que impactam na percepção de valor dos torcedores. O próximo fator que gostaria de compartilhar com vocês é a precificação dos ingressos.
Como ponto de partida dessa análise, vamos avaliar o comportamento do torcedor do São Paulo em alguns jogos no Morumbi:
23/03/2016 – Campeonato Paulista São Paulo 1 x 0 Botafogo de Ribeirão Preto Dia da semana: quarta feira Horário: 21:45h Público Pagante: 3.118 Renda Bruta: R$ 123.026 Ticket Médio: R$ 39,49
06/07/2016 – Copa Libertadores da América São Paulo 1 x 2 Atlético Nacional (semi final) Dia da semana: quarta feira Horário: 21:45h Público Pagante: 61.766 Renda Bruta: R$ 7.526.480 Ticket Médio: R$ 121,85
22/10/2016 – Campeonato Brasileiro São Paulo 2 x 0 Ponte Preta Dia da semana: sábado Horário: 17:00h Público Pagante: 49.673 Renda Bruta: R$ 600.541 Ticket Médio: R$ 12,09
12/02/2016 – Campeonato Paulista São Paulo 5 x 2 Ponte Preta Dia da semana: domingo Horário: 17:00h Público Pagante: 50.952 Renda Br…