Pular para o conteúdo principal

Corinthians 2 x 1 Palmeiras : Alô Torcida do Palmeiras!




Nesse domingo no Pacaembú, o Palmeiras enfrentou o Corinthians pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012.

Logo aos 4 minutos o Palmeiras saiu na frente após uma boa trama pelo lado direito até o atacante Palmeirense concluir a jogada pela esquerda.

Após o primeiro gol o Corinthians saiu da sua defesa em busca do empate, mas de forma desorganizada. Devido aos constantes erros de passes e chutões dos zagueiros e volantes do Palmeiras e também pela má atuação do meia de ligação, a bola não chegava mais ao ataque Palmeirense e também nenhum contra ataque era criado. Com essa situação o Corinthians foi empurrando o Palmeiras para sua defesa até conseguir empatar a partida em uma bela jogada pela direita, com uma conclusão de calcanhar de um dos atacantes.

Após o empate o jogo ficou equilibrado até o final do primeiro tempo.

No segundo tempo o Palmeiras veio com uma formação mais ofensiva, trocando um dos volantes por mais um atacante e também trocando o seu meia de ligação, que estava em uma jornada ruim, colocando outro meia de ligação de melhor qualidade, que só não saiu jogado como titular devido às suas atuais condições físicas.

O jogo ficou mais aberto e aos 10 minutos, o mesmo atacante que empatara a partida para o Corinthians, fez outra bela jogada pela meia direita, driblando com facilidade o lateral direito Palmeirense e colocando a bola quase no ângulo, indefensável para o goleiro Palmeirenses.

Depois do segundo gol do Corinthians, o Palmeiras se lançou todo para o ataque, de forma desordenada e deu muito campo para o adversário fazer o terceiro gol em vários contra ataques, mas todas as tentativas foram bem defendidas pelo goleiro Palmeirense.

O ataque do Palmeiras pouco produziu, somente teve uma boa chance com um dos seus atacantes, mas o chute foi bem defendido pelo goleiro corintiano.

No final da partida, o Corinthians recuou para garantir o resultado e o Palmeiras não teve competência para criar novas chances de gol, devido à má atuação do meio de campo e dos atacantes.

Final de jogo, Corinthians 2 x 1 Palmeiras , em mais um clássico entre os times de maior rivalidade do futebol paulista.


Ao lermos o texto acima sem mencionar nomes e a situação das duas equipes no momento atual, podemos encaixar o relato da partida como algo normal em um clássico entre as duas equipes. Mas para os desavisados gostaria de informar que o relato acima foi de um jogo que o Palmeiras perdeu de virada para os RESERVAS do Corinthians.  Sim, os RESERVAS ganharam do Palmeiras quase completo. Uma atuação inaceitável de um time titular recém classificado para a final da Copa do Brasil com méritos.

Após mais essa surpreendente e broxante derrota do Palmeiras, parafraseando Gilberto Gil, gostaria de dar alguns alôs para a torcida do Palmeiras:

1) O time do Palmeiras é limitadíssimo e só rende o que rendeu contra o Grêmio e também pode render na final contra o Coritiba se todos jogadores estiverem 120% na parte física, técnica e emocional. Se dois ou três jogadores não renderem, nossas chances diminurão muito.

2) Somente no futebol é possível que times tecnicamente inferiores possam ganhar de times em estágio superior. É possível ganhar jogos de times melhores durante o campeonato de pontos corridos e, principalmente, essa diferença é quase que totalmente neutralizada em torneios eliminatórios como a Copa do Brasil.



3) A magia que o time conseguiu criar para eliminar o Grêmio nas semifinais pode se repetir contra o Coritiba e o Palmeiras ganhar o título, mas esse encanto tem data e hora para acabar, dia 11/07/2012 após as 12 badaladas noturnas, como dizia Beto Carneiro.

4) Para a sequencia do Campeonato Brasileiro, independente do resultado da final, esse time vai fazer os torcedores sofrerem muito se não vierem reforços para o time titular ( meias e atacantes) e jogadores para compor elenco ( volantes, zagueiros, atacantes, meias ).




Caso formos campeões, todo o peso dos últimos anos sem títulos se transformará e o Palmeiras deverá sair rapidamente da situação atual na classificação, poderá ser possível efetuar um planejamento para 2013 e preparar a equipe para a Libertadores durante a competição. Passando o segundo semestre de 2012 em uma situação confortavelmente inesperada até duas semanas atrás.

Se não formos campeões, não imagino quais as consequências que o destino nos reservará até o final desse ano e nem quero imaginar.

Por todos os recados acima descritos, precisamos desesperadamente desse título para evitar um destino muito sombrio que todos estávamos visualizando até o passe de mágica que ocorreu nos dois jogos contra o Grêmio e nos trazer um alento inesperado para uma conquista importante em 2012.

Nesse momento de reflexão e de esperança, aguardamos ansiosamente pelas duas finais que podem nos levar do inferno ao paraíso e dessa forma fazer com que o Palmeiras possa ressurgir como protagonista dentro do cenário futebolístico nacional e internacional.

Aquele abraço!!




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os desafios dos Programas de Sócio Torcedor no Brasil

Durante a semana foi divulgado queda no programa sócio torcedor do Flamengo. De acordo com o blog do Rodrigo Mattos a  falta de jogos com torcida da Libertadores e o esvaziamento do Carioca são os principais pontos de abandono. O departamento de marketing identificou outros problemas: falta de um estádio, política de preços de ingressos para jogos jogos de menor apelo, o sistema de atendimento do torcedor e as vantagens oferecidas ao membro que se associa, além de reclamações com política de diretoria.
Desde o ano passado estamos notando uma estagnação deste tipo de programa na grande maioria dos times brasileiros. Participei de um projeto visando melhorias para um dos maiores programas do gênero em um time da cidade de São Paulo, onde fizemos grupos focais e pesquisas on line, mas muitas das sugestões não foram implementadas.
O que pude perceber na opinião dos torcedores que responderam a pesquisa foram sugestões de melhorias de atendimento, mais serviços, produtos e experiências, além…

Pizzaria Paulista

A rede Pizzaria Paulista, criada em 1902, vem a público divulgar o balanço das suas 16 franquias espalhadas no estado de São Paulo no período de 17 de janeiro a 11 de março de 2018.
Em 2018 tivemos as 3 tradicionais franquias da capital, juntamente com uma das mais famosas unidades, que fica no litoral. Além dessas 4 tradicionais franquias,  constam no balanço unidades de cidades com bom nível de renda per capta e com populações elevadas, sendo duas unidades na Grande São Paulo, mais duas unidades na cidade de Campinas, além de uma unidade em Ribeirão Preto, Araraquara, Sorocaba entre outras ricas cidades do interior paulista.
Em 2018, mesmo com a rede presente nas principais regiões do estado, tivemos uma redução de 9% na presença de clientes. Foram 70 mil pessoas a menos do que no ano passado, primeiro ano após a redução no número de franquias.
Além dessa redução, perdemos R$ 700 mil reais em faturamento bruto, 2% menor do que 2017. Por outro lado o ticket médio subiu 7% , R$ 2,60 a ma…

Hoje é dia de Derby

Derby, uma palavra inglesa que acompanhada dos grandes rivais Palmeiras e Corinthians, cria vida própria. As emoções que remetem a este grande clássico do futebol mundial transcendem as quatro linhas, os 90 minutos, o estádio e, em vários casos, se transformam em lendas, epopeias, grandes batalhas. Vilões se transformam em ídolos e vice versa, menos que por efêmeros momentos. Jogos como estes são capazes, como na vida real e não por acaso, de mudar o rumo dos times nos campeonatos, inverter completamente o estado de espírito, de autoconfiança reinante em cada um dos lados. São raros os confrontos que possuem esse poder mágico de mexer com toda uma cidade, uma nação e que, por 90 minutos, se transformam na coisa mais importante da vida. Muitos podem estar perguntando qual a origem desse termo dentro do futebol. Segue abaixo uma versão resumida que encontrei na internet:
A origem vem da palavra "derby" – ou dérbi, segundo o aportuguesamento da palavra original inglesa, proposto p…