Pular para o conteúdo principal

Papai Noel Alvi Verde


Saudações Alvi Verdes Papai Noel
Esse que lhe escreve é um Palmeirense que representa os mais de 15 milhões de Palmeirenses espalhados pelo Universo.
Hoje é dia 26 de dezembro de 2011 e espero que todos os presentes de Natal tenham sido entregues a tempo para todas as pessoas do mundo. Sei que esses últimos dias foram muito intensos para o senhor, como costuma ser em todos os anos durante esta época. Agora que os presentes individuais já tiveram seu destino, quero aproveitar o tempo livre que o senhor terá à partir de hoje para lhe pedir alguns presentes coletivos.
Já que nesta última década o senhor não deu muitos presentes para a torcida Palmeirense, gostaria de lhe pedir um pacote de presentes para nos recompensar.
Sim, Papai Noel, eu vou lhe pedir um pacote com uma série de presentes, pois parece que estamos sendo esquecidos pelo senhor e estamos começando a acreditar que o senhor realmente não existe ou, no mínimo, deixou de dar o ar da sua graça aqui pelos lados da Rua Turiaçú, 1840.
Será que devido ao novo acordo ortográfico o senhor está em dúvida sobre a grafia correta do endereço e, devido à esta dúvida, o senhor não está mais enviando presentes?
Será que pelo clube estar em obras o senhor não consegue mais entrar e ninguém lhe informou onde é possível deixar os presentes?
Será que como parece que neste endereço o senhor não consegue encontrar o verdadeiro responsável, o senhor anda pensando que os atuais “responsáveis”, apesar de terem direito legal sobre o local, não têm direito moral para receber os presentes?
Caso as três perguntas acima sejam os motivos de não estarmos notando sua presença nesta última década, gostaria de lhe informar que existem vários Palmeirenses que estão sofrendo muito com a falta de presentes e, como sabemos que o senhor sempre se preocupa com as crianças, as Palmeirenses estão ficando muito frustradas e andam difamando seu nome por aqui.
Antes de iniciar a relação dos presentes e também para não ser ingrato, gostaria de agradecer alguns pequenos presentes em 2011:
Obrigado pelo senhor mostrar que o “Gladiador” ter se revelado que na verdade é um Traidor.
Obrigado pelo senhor nos ter ajudado no protesto que impediu a aprovação do Conselho Gestor.
Bem, Papai Noel, depois de lhe informar algumas razões de nossas recentes frustrações, segue abaixo uma lista de presentes que espero que sejamos atendidos durante o ano de 2012 para que, daqui a 365 dias, nós possamos lhe escrever uma nova carta só com agradecimentos e sem lamentações.
Grinch
Nosso primeiro pedido é que o senhor faça uma visita ao Palmeiras com um enorme trenó para que seja suficiente para levar junto consigo para o Polo Norte todos os conselheiros vitalícios nomeados pelo Grinch do Palmeiras, o senhor Mustafá "Grinch" Contursi e também os conselheiros que compartilham dos mesmos ideais do Grinch. Este senhor Mustafá Contursi está para o Palmeiras como o Grinch está para o Natal. Portanto mãos à obra Papai Noel.
Papai Noel, estamos em pleno século XXI e o senhor sabia que neste clube ainda não temos eleição direta para presidente?
Adivinha quem são os responsáveis que estão impedindo a implementação desta medida?
Sim, Papai Noel, o senhor acertou, a turma liderada pelo Grinch.
Como estamos no espírito natalino, desejo que todos estes senhores que o senhor levará consigo tenham uma vida longa no Polo Norte. Talvez esta seja a única forma que estes senhores, que devem ter a mesma idade do senhor, possam passar por um período de reciclagem. Caso o senhor consiga que, em tempo hábil, esses senhores possam voltar a frequentar a vida política do Palmeiras, o senhor poderá trazê-los de volta como presente de algum Natal futuro, todos embalados para presente com fitas alvi verdes.
Como já ficou implícito anteriormente Papai Noel, queremos que as eleições diretas para Presidente sejam implementadas imediatamente no Palmeiras. Desta forma, as pessoas com pensamento progressista poderão iniciar um processo de modernização do clube, colocando-o definitivamente no século XXI e retomando o caminho e o destino de glórias que foi traçado há quase 100 anos pelos seus fundadores.
Com esses dois pedidos tenho certeza que o senhor será reverenciado pelos 15 milhões de Palmeirenses por anos e anos e, no futuro, este número poderá ser dobrado, graças ao alcance que estas medidas irão trazer para o clube.
O senhor há de concordar comigo que quanto mais popularidade melhor, não é?
Como estamos praticamente a 2 anos, 8 meses e 26 dias do nosso centenário, espero que boa parte dos presentes acima já tenham sido entregues e que possamos comemorar nosso centenário a altura da grandeza que o Palmeiras merece.
Os pedidos acima são pedidos estruturais que vão trazer um futuro brilhante para o Palmeiras, mas precisaremos conversar anualmente para ver se esses presentes precisarão de ajustes.
Agora, como estamos carentes de presentes para o momento, gostaria de lhe pedir alguns para 2012:
- que o Cesar Sampaio, juntamente com a Comissão Técnica, consiga fazer um excelente trabalho, sem interferências políticas, pois parece que ele tem boa vontade, caráter e competência para isso
- que o Valdívia jogue 90% das partidas, no mínimo no mesmo nível das últimas partidas de 2011
- que finalmente após 1 ano e meio de trabalho, o Felipão consiga fazer um trabalho decente e eficiente
- que o Luan não seja o principal destaque do time, mas que continue ajudando como em 2011
- que os gols de bola parada do Marcos Assunção deixem de ser a principal jogada de gol do Palmeiras em 2012
- que sejam contratados reforços que cheguem ao Palmeiras para definitivamente corresponder às expectativas da comissão técnica, torcida e diretoria
- que o Palmeiras volte a ser Campeão Nacional, pode ser Copa do Brasil ou Campeonato Brasileiro
- que o atual presidente tenha momentos de lucidez e menos de bananêz para se afastar do grupo do Grinch, retirar o senhor Frizzo do Futebol, reformular o departamento de marketing trazendo pessoas competentes para a função
- que o processo para implementar as eleições diretas para Presidente seja definitivamente aprovado e implementado
- que a proposta de criação do Conselho Gestor seja definitivamente enterrada
- que os atuais conselheiros deixem de pensar nos seus interesses pessoais e coloquem o Palmeiras acima de tudo
- que os candidatos a Presidente de 2013 sejam pessoas que tenham competência para exercer esse papel

Pois é Papai Noel, a lista é grande, mas para senhor e para a torcida Palmeirense nada é impossível.
Caso o senhor nos traga esses presentes, com certeza iremos lhe prestar uma homenagem com uma belíssima roupa verde e branca, pois vermelho e branco é coisa de colorado, e colorado é gaúcho, e gaúcho é ........
Creio que este último motivo seja suficiente para o senhor nos trazer esses presentes e se transformar definitivamente em um Papai Noel Alvi Verde.

Você Palmeirense que acabou de ler este post, favor enviar também sua lista de presentes para o Papai Noel.





































Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os desafios dos Programas de Sócio Torcedor no Brasil

Durante a semana foi divulgado queda no programa sócio torcedor do Flamengo. De acordo com o blog do Rodrigo Mattos a  falta de jogos com torcida da Libertadores e o esvaziamento do Carioca são os principais pontos de abandono. O departamento de marketing identificou outros problemas: falta de um estádio, política de preços de ingressos para jogos jogos de menor apelo, o sistema de atendimento do torcedor e as vantagens oferecidas ao membro que se associa, além de reclamações com política de diretoria.
Desde o ano passado estamos notando uma estagnação deste tipo de programa na grande maioria dos times brasileiros. Participei de um projeto visando melhorias para um dos maiores programas do gênero em um time da cidade de São Paulo, onde fizemos grupos focais e pesquisas on line, mas muitas das sugestões não foram implementadas.
O que pude perceber na opinião dos torcedores que responderam a pesquisa foram sugestões de melhorias de atendimento, mais serviços, produtos e experiências, além…

Pizzaria Paulista

A rede Pizzaria Paulista, criada em 1902, vem a público divulgar o balanço das suas 16 franquias espalhadas no estado de São Paulo no período de 17 de janeiro a 11 de março de 2018.
Em 2018 tivemos as 3 tradicionais franquias da capital, juntamente com uma das mais famosas unidades, que fica no litoral. Além dessas 4 tradicionais franquias,  constam no balanço unidades de cidades com bom nível de renda per capta e com populações elevadas, sendo duas unidades na Grande São Paulo, mais duas unidades na cidade de Campinas, além de uma unidade em Ribeirão Preto, Araraquara, Sorocaba entre outras ricas cidades do interior paulista.
Em 2018, mesmo com a rede presente nas principais regiões do estado, tivemos uma redução de 9% na presença de clientes. Foram 70 mil pessoas a menos do que no ano passado, primeiro ano após a redução no número de franquias.
Além dessa redução, perdemos R$ 700 mil reais em faturamento bruto, 2% menor do que 2017. Por outro lado o ticket médio subiu 7% , R$ 2,60 a ma…

Hoje é dia de Derby

Derby, uma palavra inglesa que acompanhada dos grandes rivais Palmeiras e Corinthians, cria vida própria. As emoções que remetem a este grande clássico do futebol mundial transcendem as quatro linhas, os 90 minutos, o estádio e, em vários casos, se transformam em lendas, epopeias, grandes batalhas. Vilões se transformam em ídolos e vice versa, menos que por efêmeros momentos. Jogos como estes são capazes, como na vida real e não por acaso, de mudar o rumo dos times nos campeonatos, inverter completamente o estado de espírito, de autoconfiança reinante em cada um dos lados. São raros os confrontos que possuem esse poder mágico de mexer com toda uma cidade, uma nação e que, por 90 minutos, se transformam na coisa mais importante da vida. Muitos podem estar perguntando qual a origem desse termo dentro do futebol. Segue abaixo uma versão resumida que encontrei na internet:
A origem vem da palavra "derby" – ou dérbi, segundo o aportuguesamento da palavra original inglesa, proposto p…